Filmes

Filme espanhol será lançado pelo Studio Ghibli

O filme de animação espanhol ‘Arrugas‘, (Rugas, em português) dirigido por Ignacio Ferreras e baseado nos quadrinhos de Paco Roca será lançado no Japão no próximo mês de junho, pelas mãos do Studio Ghibli. Esta notícia foi confirmada depois de vários meses de negociações. A história em quadrinhos Arrugas foi publicada pela Astiberri em 2007 e transformado em filme em 2012. O livro ganhou o Prêmio Nacional de Quadrinhos em 2008, enquanto o filme ganhou o Goya de Melhor Roteiro Adaptado.

Poster do filme.

Ignario Ferreras, diretor do filme Arrugas e Isao Takahata.

Isao Takahata, co-fundador do Studio Ghibli e também criador da série Heidi: A garota dos Alpes, Marco, Ana of Green Gables, bem como o mentor de Miyazaki, dedicou esta carta para o filme:

“Arrugas abriu novos horizontes para a animação. Tanto os quadrinhos originais como o filme corajosamente lidam com uma questão que ninguém pode ignorar, mas todos preferem não enfrentar: a velhice.

Abraham Lincoln disse: “Todo homem com mais de quarenta é responsável pelo seu rosto”. Mas quando ficamos velhos, isso não é sempre o caso. Certamente alguns tem um rosto esplêndido com rugas esculpidas como formosas marcas deixadas pelo passar da vida. Mas os rostos da maioria dos idosos não têm força nos olhos e tem pouca expressão. Infelizmente, não é atraente ou fotogênico. Quem quer ver rostos trêmulos, com saliva, olhos turvos e bocas que murmuram? O filme, um meio de expressão que só mostra as aparências podem usar para as pessoas mais velhas como objetos para explicar o envelhecimento do ponto de vista social, para ilustrar problemas domésticos.


No entanto é muito difícil filmar de forma tão íntima os idosos e os sentimentos que emergem mostrar seus rostos, como sofrimento, ansiedade ou raiva, preservando sua dignidade. O pouco que a aparência nos diz não é útil. Eu acho que, recorrendo ao desenho animado, que usa uma forma de expressão plana e improvável para expressar sentimentos, Arrugas superou um grande desafio.
Sem negligenciar a gravidade do que acontece fisica e mentalmente aos idosos capaz de oferecer descrições bem-humoradas e carinhosas.

Sentimos empatia e compreendemos os protagonistas aceitando seus disparates e sua ternura. Também percebemos que não é que os anciãos de Arrugas sejam particularmente fáceis de entender, mas assim são os idosos que nos rodeiam, e até nós mesmos seremos assim no futuro. É uma ideia que nos aterroriza, mas, por sua vez, nos toca.

Sendo um idoso e um homem que trabalha com desenhos eu só posso render meus respeitos ao filme Arrugas”.

Pra quem se interessou, veja aqui a Sinopse e Trailer do filme de Ignácio Ferreras.

SINOPSE:
O filme Arrugas conta a história de Emilio, um ex-executivo do banco, que está internado em um lar de idosos por sua família, depois de sofrer uma nova crise de Alzheimer. Lá ele aprendeu a viver com seus novos companheiros, cada um com uma imagem “clínica” e um caráter bem distindo e com as pessoas que cuidam deles. Emilio entra em uma rotina diária com horários fixos e seu pulso contra a doença, tentando manter a memória e evitar ser levado para o andar de cima das pessoas com deficiência. Ele terá a ajuda de Ernesto, seu companheiro de quarto.

Confira o Trailer

Leia também:

Hayao Miyazaki está trabalhando em novo curta em CG!
'As Memórias de Marnie' ganha data de estreia no Brasil!
Amanda Rotta

Amanda Rotta

Designer paulista, ela é editora-chefe e a responsável pela Studio Ghibli Brasil. Quando se trata de Studio Ghibli, é a nossa expert. Faz a curadoria dos temas que são divulgados tanto aqui quanto nas redes sociais, escrevendo também as matérias para o site. Contato: amanda@studioghibli.com.br

Saiba mais sobre o site.

Leia também:

Kaze Tachinu de Hayao Miyazaki é indicado ao Annie Awards
Um passeio pelo Museu Ghibli

Comentários

Comentários